Projeto pretende fomentar a colaboração entre universidades ibero-americanas, para partilhar boas práticas e concretizar progressos tecnológicos.

A Metared e a Universidade de Évora lançaram hoje a Metared Portugal, um projeto colaborativo de universidades ibero-americanas nas áreas da Tecnologia da Informação e da Transformação Digital.
A Metared Portugal foi apresentada hoje em Évora, junto de 39 Instituições de Ensino Superior portuguesas, e irá focar-se em 4 áreas de trabalho: Análise, Indicadores e Governo TI; Tecnologias Educativas; Cibersegurança e Transformação Digital.
O objetivo é dar forma a uma rede de responsáveis de Tecnologias da Informação e Comunicação (TICs) de universidades ibero-americanas, tanto públicas como privadas, para partilhar boas práticas, casos de sucesso e concretizar progressos tecnológicos colaborativos, fortalecendo alianças e fomentando a colaboração entre instituições.
A Metared é uma iniciativa da Fundação Universia que nasceu no IV Encontro Internacional de Reitores Universia, onde mais de 700 reitores de 26 países refletiram sobre a Universidade do Século XXI. Atualmente está em funcionamento em 8 países iberoamericanos.
Para Javier Roglá, CEO global da Universia, “é um prazer, e era um objetivo que tínhamos na Fundação Universia que as Instituições de Ensino Superior portuguesas criassem também elas o seu próprio capítulo Metared. Estou convencido que esta iniciativa as ajudará de forma extraordinária a enfrentar a Transformação Digital em que estão imersas todas as Instituições de Educação”.
O Presidente do Universia Portugal, António Vieira Monteiro, considera que “as instituições de Ensino Superior Portuguesas estão a dar o exemplo ao colaborarem para encontrar soluções conjuntas para o Digital, nomeadamente em áreas tão relevantes atualmente como a Cibersegurança e as Tecnologias Educativas. Temos muito orgulho em apoiar este projeto.”

foto familia metared portugal

Em Portugal a Metared é presidida por Ana Costa Freitas, Reitora da Universidade de Évora, que ao aceitar este desafio propôs, desde logo, que fossem integradas não apenas as Universidades públicas, como acontece noutros países, mas também as privadas e os Institutos Politécnicos, alargando ainda a participação a outras entidades públicas em áreas de atuação associadas ao Ensino Superior e às TICs. Para a Reitora da UÉ “este é um modelo adaptado à realidade portuguesa, que contribuirá, certamente, para uma profícua articulação interinstitucional, ao abrir espaço à partilha de boas práticas e à procura de soluções inovadoras.”

Neste primeiro Encontro Metared Portugal, pretendeu-se reunir os responsáveis de tecnologia das IES portuguesas para promover esta colaboração quer a nível nacional, quer junto dos restantes países ibero-americanos que integram atualmente este consórcio.
Deste encontro deverão sair propostas concretas, aplicadas à realidade das IES portuguesas que possam potencializar as sinergias de colaboração de TI e Comunicação, assim como promover espaços de reflexão e de debate nestas áreas. Para esta fase de arranque, que conta com a presença de 39 IES e quase 100 participantes, foram criados quatro grupos de trabalho nas seguintes temáticas: Cibersegurança e Proteção de Dados Pessoais (RGPD); Tecnologias Educativas; Gestão de Serviços de TI, Benchmarking e Indicadores; Transformação Digital.

coordinadores grupos de trabajo

Este encontro conta ainda com a presença de oradores estrangeiros, especialistas na área, que vão contribuir para o lançamento e integração da Metared Portugal a nível internacional.
Em Portugal a Metared conta também com o apoio da Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT) e da Agência para a Modernização Administrativa, I.P. (AMA).

Durante o primeiro ano de trabalho da Metared já participaram nas suas diferentes ações 1258 pessoas e mais de 610 universidades ibero-americanas, em encontros nacionais e internacionais, ações e conferências formativas, reuniões de grupos de trabalho, entre outros.

Sobre a Metared

A Metared é uma iniciativa que nasceu no IV Encontro Internacional de Reitores Universia, onde mais de 700 reitores de 26 países refletiram sobre a Universidade do Século XXI. Surge com a finalidade de servir de lugar de encontro, debate, reflexão e trabalho colaborativo sobre o uso das Tecnologias da Informação e Comunicação nas universidades, com total respeito pelo princípio da autonomia universitária. O seu contributo centra-se também na partilha de esforços e no contributo de boas práticas dos diferentes países.

Sobre a Universidade de Évora

A Universidade de Évora é uma das universidades do sistema de ensino superior público português. Integra as Escolas de Artes, de Ciências Sociais, de Ciências e Tecnologia e de Enfermagem e o Instituto de Investigação e Formação Avançada, escola doutoral que coordena 18 Centros de Investigação com relevantes ligações ao tecido empresarial.

Sobre a rede Universia

A Universia é a rede universitária de referência para a comunidade ibero-americana e desde a sua criação conta com o mecenato do Banco Santander. Reúne 1.341 universidades, que representam 19,9 milhões de professores e estudantes. Em Portugal a rede integra 31 instituições de ensino superior. Mais informação em www.universia.pt.